Determinantes do valor percebido e da intenção de retorno no turismo receptor brasileiro

Autores

  • Glauber Eduardo de Oliveira Santos Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
  • Moisés Diniz Vassallo Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
  • Wilson Abrahão Rabahy Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE

DOI:

https://doi.org/10.7784/rbtur.v3i3.206

Palavras-chave:

Turismo receptor. Valor percebido. Intenção de retorno. Demanda turística. Turismo no Brasil.

Resumo

O presente estudo objetiva mensurar a influência das características do produto turístico brasileiro sobre o valor percebido e a intenção de retorno dos turistas internacionais que visitam o país. Para tanto, foi realizado um estudo empírico baseado em um banco de dados de grande porte dentro de um projeto de caracterização do turismo internacional. O teste das relações entre variáveis explicativas e explicadas utilizou o modelo de escolha discreta logit binomial. Os resultados estimados apontam que alguns dos aspectos mais relevantes no caso brasileiro são hospitalidade, hospedagem, diversão noturna, segurança pública e guias de turismo. Dentre os aspectos menos relevantes estão transporte público, rodovias, sistemas de comunicação e sinalização turística.

Biografia do Autor

Glauber Eduardo de Oliveira Santos, Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE

Bacharel em Turismo pela Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP), mestre em Ciências da Comunicação na linha de pesquisa de Turismo e Lazer pela ECA-USP. Atualmente cursa doutorado em Economia do Turismo e do Meio Ambiente na Universidade das Ilhas Baleares, Espanha. É professor efetivo do Centro de Educação Tecnológica de São Paulo (CEFET-SP) e pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas da USP. Atua na área de Economia do Turismo, especialmente em atividades de pesquisa, gestão pública, planejamento de destinos, estatística, consultoria e educação.

Moisés Diniz Vassallo, Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE

Economista pela Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo (FEA-USP), mestre em Engenharia de Infraestrutura Aeronáutica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

Wilson Abrahão Rabahy, Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE

Professor titular da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP). Pesquisador da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

Downloads

Publicado

2009-12-31

Edição

Seção

Artigos